Entre em contato

© GD Solutions. Todos os direitos reservado. By Next4.

Entenda como funciona a governança de TI

Entenda como funciona a governança de TI

A governança de TI tem um importante papel dentro das instituições, principalmente no momento da tomada de decisão, além de ser uma ótima maneira de organizar processos e documentos. Dessa forma, as empresas que contam com um bom modelo de governança de TI possuem resultados superiores aos das outras, visto que têm bases mais sólidas para tomar melhores decisões.

Saiba mais sobre o assunto e entenda como funciona a governança de TI!

A governança de TI

A governança de TI reúne normas, políticas e procedimentos destinados a proporcionar uma boa administração e planejamento, além do controle da utilização da tecnologia de informação (TI), para garantir um nível seguro de riscos para os negócios. Ou seja, serve para assegurar que o uso da TI colabore para a empresa e monitorar todas as atividades da gestão dessa área.

A governança corporativa e o gerenciamento de TI

A principal ferramenta da governança de TI é o processo da tomada de decisão que prioriza as altas demandas da área. Esse processo é fundamental, visto que com ele se garante que as ações de TI estejam devidamente alinhadas com as metas da instituição, além de assegurar a prioridade para as demandas de maior impacto nesses objetivos. Embora as unidades de TI devam opinar sobre o desenvolvimento do processo, a decisão final não cabe a eles, mas sim à alta administração dessa governança.

Já o gerenciamento de TI é o conjunto dos processos feitos pelas atividades que derivam dessa área, buscando o planejamento juntamente com a realização das práticas que serão usadas para a solução e entrega dos serviços.

Dessa forma, apesar desses dois termos não terem significados iguais, ambos dependem um do outro. Em resumo: o gerenciamento de TI facilita a governança. Ou seja, para se ter uma boa governança de TI, é essencial que se tenha uma boa governança corporativa e um ótimo gerenciamento dos serviços de TI.

As áreas de foco da governança de TI

  • Gestão de riscos: proporciona o conhecimento de todos os riscos da TI para as estratégias do negócio. Assim, o empreendedor pode trabalhar em cima disso e fazer de tudo para evitá-los.
  • Entrega de valor: garante que os benefícios proporcionados pela TI sejam realmente executados. Entre esses benefícios está a otimização de custos, por exemplo.
  • Alinhamento estratégico: alinha as soluções e planos de TI com as atividades da empresa.
  • Gestão de recursos: garante a gestão dos recursos mais necessários para TI. São eles os recursos tecnológicos — que incluem aplicações, informações e infraestrutura — e os recursos humanos, além de valorizar as noções de infraestrutura.
  • Mensuração de desempenho: responsável pelo acompanhamento da implementação da estratégia, além de monitorar os projetos sendo realizados, a utilização de recursos e entrega dos serviços no que diz respeito à colaboração para os objetivos da instituição.

Com uma boa governança de TI, as chances da empresa atingir melhores resultados e ter sucesso aumentam consideravelmente.

Como funciona a governança de TI da sua empresa? Tem dúvidas ou experiências no assunto para compartilhar? Deixe o seu comentário aqui no blog!