A tecnologia da informação se tornou um ativo dinâmico, estratégico e indispensável para qualquer empresa atingir seus objetivos. Como resultado, e dada a sua importância, continua a gerar perguntas dentro dos empreendimentos. Entre as mais comuns estão, por exemplo, como o poder da TI pode ser aproveitado de maneira eficaz e como o investimento nessas tecnologias pode ser maximizado.

Felizmente, todas as respostas podem ser encontradas por meio da mesma referência: uma boa gestão de TI. Isso porque, quando bem-feita, ela desempenha um papel muito relevante, o qual pode ser percebido em alguns ambientes corporativos.

Se você ainda não decidiu aplicar uma estratégia sólida de gestão de TI em sua empresa — ou simplesmente deseja aproveitar sua abordagem atual —, recomendo que você leia este artigo que preparei especialmente sobre o tema!

Como realizar a gestão de TI?

Um bom gerenciamento de TI é o resultado de uma combinação de elementos essenciais, como processos, estruturas e mecanismos relacionais. Podemos descrevê-los da seguinte forma:

  • estruturas: incluem como a função de TI é organizada;
  • processos: compreendem todas as atividades estratégicas dos sistemas de informação e a medição de seu desempenho;
  • mecanismos de relacionamento: englobam a participação dos principais interessados, a colaboração entre as linhas de negócios e a equipe de TI, a rotação de responsabilidades e um treinamento contínuo.

Para ser bem implementada, a gestão de TI deve se concentrar em alcançar os seguintes objetivos:

  • manter criação de valor;
  • melhorar o desempenho dos processos de TI e a satisfação do cliente;
  • controlar o aspecto financeiro da tecnologia da informação;
  • desenvolver habilidades e soluções para atender às necessidades futuras da empresa;
  • identificar e gerenciar riscos relacionados às tecnologias da informação;
  • promover o desenvolvimento e a manutenção da transparência em todos os processos realizados dentro do negócio.

Quais são as melhores práticas?

Obviamente, cada empresa conta com particularidades que devem ser consideradas na hora de fazer a gestão de TI, mas algumas práticas podem ser consideradas indispensáveis. Veja!

Use uma estrutura

O gerenciamento das tecnologias da informação da empresa, bem como dos recursos humanos que interagem com elas, pode ser um grande desafio. Felizmente, você não precisa começar do zero ao estabelecer as estratégias mais adequadas para o seu negócio.

Pelo contrário, você pode confiar nas melhores práticas de mercado que as empresas de sucesso já estabeleceram e condensaram em estruturas eficazes. Algumas das estruturas preferidas para organizações no mundo são ITIL, COBIT e ISO.

Obtenha suporte da alta gerência

Um fator-chave para o sucesso de um bom gerenciamento de TI é o gerenciamento sênior, que fornece orientação, mandato e compromisso contínuo com a iniciativa. Em outras palavras, a gestão de TI trata da implementação de práticas de governança e gerenciamento. Sem um forte envolvimento da gerência sênior, realizá-la de forma bem-sucedida pode se tornar um enorme desafio.

Comece com objetivos fáceis de alcançar

Como em todos os novos produtos introduzidos no ambiente profissional, é importante se concentrar nas “vitórias rápidas”. Esse truque se reflete na priorização das melhorias mais benéficas no contexto da facilidade de implementação. Essa rápida conquista de objetivos e a realização dos primeiros benefícios ajudarão a fortalecer a credibilidade e a confiança.

Quais ferramentas podem ser utilizadas?

A automação representa um fator essencial na implementação de qualquer estratégia de gerenciamento de TI. Portanto, verifique se sua equipe conta com as melhores ferramentas ao realizar suas atividades.

Nesse sentido, podemos identificar tendências como:

  • tecnologias orientadas à IA, como aprendizado de máquina e análise preditiva, facilitam a adoção rápida de uma cultura de dados em primeiro lugar;
  • a tecnologia de gerenciamento de caso adaptável automatiza os fluxos de trabalho de natureza imprevisível, adaptando-se às decisões humanas ao longo do processo;
  • tecnologias inteligentes (por exemplo, dispositivos de IoT) favorecem a transformação digital, conectando processos digitais a equipamentos no mundo físico.

Por fim, vale ressaltar que as empresas que realizam a gestão de TI de forma eficaz gerenciam seu desempenho e suas contribuições para os resultados financeiros dos negócios por meio de processos efetivamente desenvolvidos e gerenciados. Em outras palavras, elas têm muito mais chances de se destacarem em ambientes dinâmicos e competitivos como nos quais estamos vivendo.

O que achou deste conteúdo? Compartilhe-o nas suas redes sociais e converse com parceiros de negócios sobre o assunto!

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

Postar Comentário