O onboarding é um conjunto de ações utilizadas para auxiliar a chegada de uma nova pessoa no ambiente de trabalho, permitindo que o processo de adaptação seja mais tranquilo, tanto para o funcionário quanto para o negócio. O objetivo, assim, é permitir uma melhor integração do novato no time e capacitá-lo para atuar internamente.

O onboarding em TI tem o papel de diminuir as taxas de turnover, tornar o ambiente mais confortável e aumentar a produtividade. Como essa é uma área extremamente estratégica, os resultados poderão ser sentidos em toda a empresa. Assim, é importante que você saiba como realizar o processo da melhor forma possível.

Continue lendo e tire suas dúvidas sobre esse tema. Boa leitura!

Apresente as pessoas e o local

Uma das primeiras etapas para um onboarding em TI eficiente é realizar a apresentação dos seus colegas de trabalho e o local. Normalmente esse processo é feito pelo gestor da equipe, e tem por objetivo fazer com que a pessoa nova seja acolhida pelos demais, bem como a entender como funciona a estrutura da empresa.

Caso o colaborador realize suas atividades de forma remota (como home office), pode ser interessante fazer a apresentação com uma reunião online, apresentando todos os membros, já que eventualmente, todos terão contato no dia a dia. Assim, quando precisarem atuar em conjunto, internamente na empresa, ele estará mais confortável e integrado tanto com o ambiente, quanto com os colegas.

Faça uma imersão nas áreas da empresa

Como é a configuração da empresa? Quais são as hierarquias as quais o colaborador estará submetido? A quem ele deve recorrer e, também, quem deve recorrer a ele? Essas questões são importantes para que ele não se sinta perdido em seus primeiros dias.

Também é importante apresentar quais são os procedimentos e regras internas. Para isso, pode ser interessante fazer um checklist que aponte algumas questões, tais como:

  • acesso ao chat interno da empresa;
  • acesso ao sistema de gerenciamento de projetos;
  • senhas de acesso;
  • acesso à documentação;
  • acesso às soluções utilizadas para reuniões;
  • acesso aos serviços internos;
  • apresentação da hierarquia e organograma da empresa, prazos, padrões de documentos e relatórios, entre outros.

Mostre a cultura corporativa da empresa

Outro ponto importante para um bom onboarding de TI é inserir o novo colaborador na cultura corporativa da empresa. É o momento no qual se conta a história da empresa, missão, cultura e clima organizacional.

O colaborador é ambientando sobre o local em que ele fará parte, mas para além da questão física. Ele entenderá quais são os valores que são promovidos na empresa e começará a atuar de acordo com eles, logo nos primeiros dias.

Por exemplo, um colaborador que veio de uma empresa no modelo tradicional de TI poderá ter um choque ao perceber que uma empresa implementa metodologias ágeis como um dos princípios da empresa. Ao ser ambientado assim, ele poderá ir se adequando, sem choque, a esse novo cenário.

Apresentes as ferramentas e soluções

Um dos pontos da área de TI é que há uma série de ferramentas e soluções que são utilizados para as mesmas situações. A escolha do negócio sobre qual será utilizada dependerá de decisões estratégicas da empresa (eficiência, parceria com a empresa criadora, maior facilidade para realizar as funções internas do negócio, entre outros) e, muitas vezes, o seu novo funcionário não conhece a solução.

Assim, é importante apresentar as ferramentas e os processos que a pessoa deverá utilizar em suas atividades cotidianas. Também é nessa fase do onboarding que você pode destacar um profissional mais experiente para participar do processo e treinar o colaborador novato, auxiliar, tirar dúvidas, entre outros pontos importantes.

Explique os números e metas da empresa e da área

O novo colaborador precisa também ser ambientado sobre as principais métricas da empresa, conhecendo quais são os principais números e metas, tanto do negócio como um todo, quanto do setor específico em que ele trabalhará.

Assim, ele estará ciente de quais serão as cobranças que ele terá em seu dia a dia, bem como compreender seu papel no cumprimento dos objetivos da organização como um todo. Isso pode ser um importante estímulo motivacional no dia a dia, auxiliando a aumentar a produtividade.

Realize reuniões e eventos de integração

Além de apresentar os colaboradores novos, pode ser interessante realizar eventos e reuniões de integração, que permitam criar laços positivos para todos os envolvidos. Afinal, sabemos que no dia a dia, gerar essa aproximação pode ser muito difícil, devido a rotina do negócio.

Assim, os eventos são responsáveis por criar um clima mais acolhedor e confortável, permitindo interações casuais e que possam gerar, até mesmo, amizades entre os membros dos times. Isso é importante para criar um ambiente amigável, o que é importante pela natureza das atividades do setor de TI, que exigem equipes colaborativas.

Crie um programa de onboarding em TI

Torne o processo de onboarding em TI algo oficial em sua empresa e, consequentemente, padronizado para o dia a dia do negócio. Assim, estabeleça um programa de integração padrão para a empresa. Alguns pontos que podem auxiliá-lo na elaboração do documento são:

  • a empresa é considerada acolhedora para os novos funcionários?
  • Os colaboradores estão felizes por trabalharem na empresa?
  • É possível fazer com que eles se sintam parte de uma história importante?
  • Há uma história que simbolize a empresa?
  • Missão, valores e princípios do negócio são visíveis para quem está chegando agora?
  • Os novatos sentem que são importantes para o negócio?
  • O programa de integração da empresa é realmente eficiente e interessante?
  • A empresa está ouvindo, de fato, o feedback dos colaboradores sobre o onboarding? E ele tem sido positivo?

O onboarding de TI prepara o seu novo colaborador para atuar de forma consistente, reduzindo erros, garantindo melhores resultados e tornando o ambiente organizacional mais acolhedor e eficiente. Por isso, é importante que você realize um programa consistente, capaz de trazer todos os benefícios que apontamos anteriormente.

Por isso, aplique as medidas que listei neste artigo e veja como os resultados para o clima organizacional e índices de turnover podem melhorar consideravelmente.

Gostou deste conteúdo? Então, siga nosso perfil no Facebook e LinkedIn e veja outras dicas diretamente em seu feed.

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

Postar Comentário